quinta-feira, 3 de maio de 2012


Superei essa fase má. Esse passado a que estava presa há tanto tempo, tempo demais. Nada me fará voltar atrás neste momento. Nem as boas recordações que tenho de nós. Nada. Juro, por tudo, que desta vez irá ser diferente, pois as voltas inverteram-se, já viste? Nada é como tu o planeas-te, tal como os meus planos me falharam, foi altura de os teus falharem também, não achas? Neste momento, sinto-me um pouco mais feliz do que antes, deve ser devido a já não ter de me preocupar com os teus contratempos e manias. Sei finalmente sorrir sem falsidade, sem angústia, sem hesitação. Parece que ambos acabámos por sair a ganhar, não é? Embora não esteja completamente feliz, não irás ser tua a ocupar essa felicidade, não, tudo menos tu, podes ter a certeza! Porque agora, já não preciso de ti, nunca mais!

Sem comentários:

Enviar um comentário